14 de Outubro de 2012 / às 12:11 / em 5 anos

Vettel vence na Coreia do Sul; Massa chega em 4º

Por Alan Baldwin

Sebastian Vettel chegou em primeiro no GP da Coreia do Sul; Felipe Massa chegou em quarto lugar. 14/10/2012. REUTERS/Lee Jae-Won

YEONGAM, Coreia do Sul, 14 Out (Reuters) - O campeão mundial Sebastian Vettel venceu o Grande Prêmio da Coreia neste domingo, numa dobradinha da Red Bull, e assumiu a liderança da Fórmula 1, ultrapassando Fernando Alonso, da Ferrari, a quatro corridas do final da temporada.

Essa foi a terceira vitória consecutiva de Vettel, a quarta da temporada e a 25ª de sua carreira, deixando-o com 215 pontos, sendo que Alonso ocupa o terceiro lugar, agora com 209 pontos.

O australiano Mark Webber, que largou na pole mas foi superado por seu companheiro de equipe, encerrou a prova em segundo lugar, garantindo a primeira dobradinha de uma equipe nesta temporada.

“A largada foi muito importante, saímos do lado sujo da pista”, disse Vettel. “Dei uma boa arrancada e vi que Mark estava penando um pouco. Consegui emparelhar e ir por dentro na primeira curva”.

“Foi uma largada perfeita para mim”, acrescentou o alemão, que correu as últimas voltas se queixando dos pneus e lutando para que aguentassem até o final da prova.

Largando em quarto, o espanhol Alonso ultrapassou a McLaren de Lewis Hamilton no início, mas não conseguiu encurtar a distância das Red Bulls em uma prova decidida já nos primeiros segundos, e cruzou 13s9 atrás de Vettel.

“Acho que temos que ficar contentes com o desempenho hoje”, declarou Alonso, cuja equipe Ferrari tomou a segunda colocação da McLaren na corrida de construtores, ainda atrás da Red Bull.

“Estamos indo na direção certa. Só precisamos de mais um pequeno passo final para sermos tão competitivos quanto as Red Bull.”

O brasileiro Felipe Massa, também da Ferrari, terminou a prova em quarto colocado, enquanto Bruno Senna ficou com a 15ª posição.

Kimi Raikkonen pontuou pela 13a vez na quinta colocação para a Lotus e consolidou o terceiro lugar na tabela, mantendo-se na disputa.

Jenson Button, da McLaren, saiu logo na primeira volta, quando a Sauber de Kamui Kobayashi empurrou seu carro para o lado, esmagando a suspensão dianteira direita e furando um pneu.

Kobayashi, que também encerrou a corrida da Mercedes de Nico Rosberg no mesmo incidente, voltou aos boxes com três rodas.

Nico Hulkenberg foi o sexto com sua Force India, e o francês Romain Grosjean, mantendo-se à distância dos problemas após uma série de colisões na última volta, chegou em sétimo com sua Lotus.

O francês Jean-Eric Vergne deu a oitava colocação para a Toro Rosso, e seu colega de equipe australiano Daniel Ricciardo a nona.

Hamilton, que largou em terceiro, chegou pouco adiante da Sauber do mexicano Sergio Pérez, que o substituirá na McLaren na próxima temporada, e terminou na décima colocação.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below