27 de Abril de 2013 / às 21:29 / em 5 anos

Título do Barcelona é adiado após empate em Bilbao

Por Iain Rogers

MADRI, 27 Abr (Reuters) - O Barcelona terá de esperar pelo menos até a próxima semana para arrematar o título espanhol após conceder o empate em 2 x 2 nos acréscimos da partida contra o Athletic Bilbao no sábado, enquanto o vice-líder Real Madrid venceu o rival Atlético por 2 x 1 no clássico madrileno.

Vitória do Barça em San Mames e derrota do Real no Vicente Calderon daria ao líder uma vantagem de 16 pontos com cinco jogos restando.

A virada do Real diminuiu a vantagem do Barça para 11 pontos, e agora os catalães têm que esperar até após sua quase certa eliminação da Liga dos Campeões em casa para o Bayern de Munique para ter outra chance de assegurar o quarto título do espanhol em cinco anos.

De olho na partida de volta da semifinal, com o Barça precisando tirar uma desvantagem de 4 x 0 frente aos alemães, o treinador Tito Vilanova deixou Lionel Messi e Andres Iniesta no banco.

Bilbao, sem uma vitória em casa em seis jogos do nacional contra o Barça, surpreendeu aos 27 minutos e abriu o placar com Aritz Aduriz.

O Barça pressionou em busca do empate e teve sorte em não sofrer o segundo gol quando Susaeta acertou a trave em cobrança de falta aos 10 do segundo tempo.

Somente quando o argentino Messi, que ficou de fora das três últimas rodadas do espanhol por contusão, saiu do banco aos 15 do segundo tempo o Barça encontrou seu jogo.

O melhor jogador do mundo brilhantemente abriu caminho entre vários defensores e empatou aos 22 minutos da etapa final e Alexis Sanchez, que já havia acertado a trave, fez 2 x 1 dois minutos depois, com assistência de Messi.

O gol de Messi, seu 44º em 33 partidas, estabeleceu um novo recorde de 24 marcados fora de casa, um a mais que a marca de Cristiano Ronaldo do Real Madrid na temporada passada.

O argentino marcou ao menos um gol em todos os seus últimos 20 jogos, enquanto o Barça igualou seu recorde de gols marcados em 26 partidas consecutivas fora de casa.

Parecia que os três pontos estavam garantidos antes Ander Herrera acertar um chute baixo aos 45 minutos do segundo tempo para alegria da torcida local.

LEVE DESVIO

O Real, que também foi derrotado na partida de ida da semifinal da Liga dos Campeões (4 x 1 para o Borussia Dortmund), foi escalado com reservas por Jose Mourinho.

Cristiano Ronaldo, artilheiro do time no espanhol com 31 gols, ficou de fora por contusão sofrida em Dortmund.

Atletico, que começou três pontos atrás do Real em terceiro lugar e buscando sua primeira vitória em 22 encontros com o rival, saiu na frente aos sete minutos com Radamel Falcão Garcia, que marcou seu 26º gol na temporada.

O Real empatou nove minutos depois quando Angel Di Maria cobrou falta que sofreu um leve desvio no defensor Juanfran e caiu na rede do goleiro Thibaut Courtois.

O Real repeliu a forte pressão do Atletico até que aos 18 minutos do segundo tempo Di Maria recebeu passe de Karim Benzema e virou o placar.

Foi um raro momento de qualidade em um jogo confuso repleto de simulações, faltas e cartões amarelos e foi uma pobre prévia da final entre os times na Copa do Rei em maio.

O Barça recebe o Bétis no próximo fim de semana e o Real enfrenta o Valladolid.

Também no sábado, o Celta de Vigo aumentou suas chances de evitar o rebaixamento ao vencer o Levante por 1-0.

Mallorca e Zaragoza, penúltimo e último colocado respectivamente, se enfrentam também no sábado.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below