15 de Maio de 2013 / às 19:09 / em 5 anos

Maior preocupação em março, Maracanã agora recebe elogios da Fifa

RIO DE JANEIRO, 15 Mai (Reuters) - O secretário-geral da Fifa, Jérôme Valcke, elogiou nesta quarta-feira o avanço na reta final da reforma do Maracanã, mas ressaltou que o estádio terá de passar por todos os testes possíveis no único jogo que será realizado antes da Copa das Confederações.

Secretário-geral da Fifa e membros do Comitê Organizador Local da Copa do Mundo de 2014, incluindo os ex-jogadores Ronaldo e Bebeto, visitam o Maracanã. 15/05/2013. REUTERS/Ricardo Moraes

Em visita realizada ao estádio junto com membros do Comitê Organizador Local (COL) da Copa do Mundo de 2014, Valcke disse que o amistoso entre Brasil e Inglaterra, no dia 2 de junho, será fundamental para testar o funcionamento das novas instalações.

“Parabéns pelo trabalho realizado nas últimas semanas, é simplesmente incrível o que seres humanos podem fazer e vocês fizeram”, disse Valcke, que chamou o estádio de “a catedral, a meca do futebol”.

“Havia muito trabalho a fazer desde que viemos em março e, novamente, é incrível o que foi feito no estádio”, acrescentou.

Quando esteve no Rio de Janeiro no início de março, Valcke chegou a declarar que o atraso na entrega do Maracanã era a maior preocupação da Fifa. Na época, ele disse que a conclusão do estádio apenas em maio poderia ser prejudicial para a organização da Copa das Confederações, que acontece de 15 a 30 de junho.

“Temos um jogo... vamos nos certificar de que usaremos esse jogo para testar tudo que pudermos”, disse Valcke sobre o amistoso de 2 de junho. “Teremos milhares de pessoas vindo ao estádio, teremos funcionários, voluntários... Vamos trabalhar o máximo que pudermos para assegurar que na primeira partida (da Copa das Confederações) tudo estará ok no Maracanã”, disse Valcke.

O Maracanã foi reaberto no final de abril, com utilização de apenas 30 por cento da capacidade e somente para convidados, após passar por uma reforma de mais de 1 bilhão de reais que modificou completamente o estádio que será o palco da final da Copa do Mundo de 2014.

Um evento-teste estava marcado para esta quarta, mas foi cancelado pelo governo do Rio de Janeiro e substituído por uma visita-técnica da Fifa, na qual também estiveram presentes o ministro do Esporte, Aldo Rebelo, e os integrantes do COL Ronaldo e Bebeto.

A comitiva percorreu as arquibancadas e foi ao gramado, onde fez a entrega simbólica de ingressos de cortesia a dois operários do Maracanã, uma mulher e um homem.

O Maracanã, que originalmente era para ter sido entregue em dezembro de 2012, receberá três partidas da Copa das Confederações, a mais importante delas a final, no dia 30 de junho.

Por Felipe Pontes

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below