27 de Setembro de 2013 / às 00:10 / em 4 anos

Brasil terá Victor, Dedé e Lucas Leiva para amistosos com Coreia e Zâmbia

RIO DE JANEIRO, 26 Set (Reuters) - O técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, convocou nesta quarta-feira o volante Lucas Leiva, o goleiro Victor, destaque da conquista da Libertadores deste ano pelo Atlético Mineiro, e o zagueiro Dedé, do Cruzeiro, equipe que lidera o Campeonato Brasileiro, para os amistosos no mês que vem contra Coreia do Sul e Zâmbia.

Goleiro do Atlético Mineiro Victor comemora após defender um penalti cobrado por Maxi Rodriguez, do time argentino Newell's Old Boys, em partida da semifinal da Copa Libertadores, em Belo Horizonte. O técnico da seleção brasileira, Luiz Felipe Scolari, convocou nesta quarta-feira o goleiro Victor, destaque da conquista da Libertadores deste ano pelo Atlético Mineiro, e o zagueiro Dedé, do Cruzeiro, equipe que lidera o Campeonato Brasileiro para os amistosos no mês que vem contra Coreia do Sul e Zâmbia. 10/07/2013. REUTERS/Washington Alves

Felipão fez poucas mudanças em relação a convocações recentes, mas recorreu a Victor e Dedé para os lugares do goleiro Julio Cesar e do zagueiro Thiago Silva, que estão machucados.

O treinador brasileiro vem mantendo contato com os jogadores lesionados e estima que o goleiro vai voltar a jogar em 30 dias. Sobre o zagueiro, não fez previsão.

“Todo jogo ficamos com o coração na mão. De março a junho do ano que vem vamos seguir muito mais os jogadores. Sempre há um desconforto quando vimos a dificuldade de um dos nossos”, declarou ele em entrevista coletiva.

Outro que está fora da seleção por contusão é o atacante Fred, titular na Copa das Confederações.

A seleção enfrenta a Coreia do Sul no dia 12 de outubro, em Seul, e no dia 15 encara a seleção da Zâmbia em Pequim, no estádio Ninho do Pássaro, usado na Olimpíada de 2008.

Victor foi chamado pela primeira vez na era Felipão, assim como o meia Lucas Leiva, do Liverpool.

O zagueiro Dedé já havia sido chamado logo no começo do trabalho do treinador, que assumiu a seleção no fim do ano passado.

“Dedé não é novo para nós e o Victor é novidade e para nós é primeira vez. Lucas leiva temos que avaliar”, resumiu Felipão.

Até o Mundial, o Brasil fará até cinco amistosos internacionais e a base do grupo para a Copa está praticamente pronta. Algumas observações serão feitas nos próximos jogos, mas as chances de grandes mudanças são remotas.

“Muitos surgem de repente e podem chamar atenção e, mesmo sem oportunidade, podem receber a chance de jogar o Mundial”, disse o treinador.

Felipão reiterou que o Brasil entrará como favorito e com obrigação de vencer a Copa em casa. “Quem vier e não pensar nisso não adianta nada. Desde que fomos escolhidos sede só tem um lugar para gente que é ser campeão. Copa das Confederações já passou”, disse ele, sobre o título conquistado em junho.

Veja a lista de convocados:

Goleiros: Jefferson (Botafogo), Diego Cavallieri (Fluminense), Victor (Atlético Mineiro)

Zagueiros: David Luiz (Chelsea), Dante (Bayern de Munique), Henrique (Palmeiras) e Dedé (Cruzeiro)

Laterais: Maicon (Roma), Daniel Alves (Barcelona), Marcelo (Real Madrid) e Maxwell (Paris Saint Germain)

Meio-campistas: Lucas Leiva (Liverpool), Hernanes (Lazio), Luiz Gustavo (Wolfsburg), Paulinho (Tottenham Hotspur), Ramires (Chelsea) e Oscar (Chelsea)

Atacantes: Jô (Atlético Mineiro), Lucas (Paris Saint Germain), Hulk (Zenit), Bernard (Shakhtar Donetsk), Alexandre Pato (Corinthians) e Neymar (Barcelona)

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below