21 de Outubro de 2013 / às 09:04 / em 4 anos

Rossi faz três gols em 15 minutos e Fiorentina vira sobre a Juventus

20 Out (Reuters) - Com um hat-trick de Giuseppe Rossi em um intervalo de 15 minutos, a Fiorentina saiu de uma desvantagem de dois gols e virou sobre a até então invicta e atual campeã Juventus, vencendo por 4 x 2 em partida válida pelo Campeonato Italiano neste domingo.

Jogador do Fiorentina, Giuseppe Rossi (E), comemora após marcar gol contra a Juventus, em Florença. Com um hat-trick de Rossi em um intervalo de 15 minutos, a Fiorentina saiu de uma desvantagem de dois gols e virou sobre a até então invicta e atual campeã Juventus, vencendo por 4 x 2 em partida válida pelo Campeonato Italiano neste domingo. 20/10/2013 REUTERS/Giampiero Sposito

Rossi, que é italiano mas nasceu nos Estados Unidos, e se recuperava de sucessivas lesões no joelho que o afastaram dos gramados por quase dois anos, chegou à marca de oito gols em oito jogos na liga. Já o blecaute do time da Juventus no segundo tempo deixou o treinador da Juventus Antonio Conte visivelmente transtornado com a atuação dos seus atletas.

“Foi um pesadelo que durou 10 minutos”, disse Conte aos jornalistas. “Dominamos o jogo em sua maior parte, até que tudo foi pelo ralo em 10 minutos”.

A Juventus, que havia perdido apenas dois pontos durante toda a temporada, parecia soberana quando Carlos Tévez, convertendo um polêmico pênalti, e Paul Pogba deram à Vecchia Signora a vantagem de dois gols antes mesmo do intervalo.

Primeiro, Tévez se jogou dramaticamente após contato mínimo com o zagueiro Gonzalo Rodriguez. O próprio argentino cobrou a penalidade máxima e abriu o placar aos 37 minutos.

Três minutos depois, o lateral-direito Juan Cuadrado deu um carrinho atrapalhado e a bola sobrou livre e sem goleiro para Paul Pogba apenas escorar.

A reação do time de Florença começou com mais um pênalti controverso, desta vez sobre Matias Fernandez, aos 21 minutos do segundo tempo, que Giuseppe Rossi não desperdiçou.

A partir daí, a Juventus entrou em colapso, cedendo três gols em cinco minutos. Rossi empatou aos 31, ao passar por dois marcadores fora da área e arriscar de longe --a bola chegou a tocar no goleiro Buffon, que aceitou o gol.

Dois minutos depois, a defesa da Vecchia Signora deixou Joaquin Sanchez sozinho, e o espanhol virou a partida. Em seguida, foi a vez do colombiano Cuadrado, em contra-ataque fulminante, só rolar a bola para Rossi marcar seu terceiro gol na partida, e sacramentar a virada histórica por 4 x 2.

A Juventus se mantém na terceira posição, com 19 pontos, atrás do Napoli no saldo de gols e cinco pontos abaixo da Roma. A Fiorentina está em quinto, com 15.

Não faltou drama também no restante da rodada, com seis pênaltis sendo concedidos nos seis jogos desta tarde de domingo, além da primeira vitória do Sassuolo, debutante na primeira divisão, que bateu o Bologna por 2 x 1.

A Sampdoria aproveitou os dois pênaltis que teve a seu favor, o segundo deles no sexto minuto de acréscimo no segundo tempo, e superou o Livorno por 2 x 1. Já o Hellas Verona contou com Jorginho convertendo dois pênaltis para vencer o Parma por 3 x 2, depois de ficar atrás no placar.

Reportagem de Brian Homewood

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below