3 de Dezembro de 2013 / às 21:09 / em 4 anos

SAIBA MAIS-Conheça a seleção da Grécia na Copa

ATENAS, 3 Dez (Reuters) - Veja abaixo informações sobre a seleção da Grécia, uma das participantes do sorteio das chaves da Copa do Mundo de 2014, marcado para sexta-feira na Costa do Sauípe.

Jogadores da Grécia comemoram vitória sobre a Romênia em 19 de novembro. REUTERS/Radu Sigheti

Desempenho e prognósticos

Se o retrospecto é para ser levado em conta, seria esperto apostar que a Grécia do técnico Fernando Santos vai ao menos passar para as oitavas de final da Copa do Mundo de 2014.

Os gregos mereceram a vaga no sorteio do torneio do ano que vem após despacharem a Romênia com muito estilo na repescagem, após uma forte campanha nas eliminatórias.

O time de Santos terminou atrás da vencedora do Grupo G, a Bósnia, apenas no saldo de gols. Perdeu por 3 x 1 dos bósnios em Zenica, a única derrota de uma campanha muito sólida - embora em uma das chaves mais fracas da Europa.

Com um estilo de jogo que a torna difícil de ser batida, mas pouco espetacular na frente, a Grécia conseguiu oito vitórias em dez partidas, cinco delas por 1 x 0.

A falta de gols acabou custando a primeira posição, mas a habilidade de Santos para revelar novos jogadores e manter uma cúpula de experientes, como Giorgos Karagounis, Fanis Gekas e Kostas Katsouranis, provou-se um sucesso.

Como sempre, a Grécia será difícil de ser batida e uma ameaça considerável no contra-ataque, com um trio de atacantes que tem Giorgos Samaras, do Celtic, Kostas Mitroglou, do Olympiakos, e o incansável Dimitris Salpingidis.

Técnico: Fernando Santos

O lema do técnico de 57 anos é “tática primeiro, habilidade depois”, e ela vem se mostrando uma fórmula de sucesso e estabilidade desde que ele substituiu Otto Rehhagel depois da Copa do Mundo de 2010.

Um fator importante do sucesso de Santos é o seu conhecimento profundo do futebol grego e a cultura do tempo no qual foi técnico dos principais clubes do país, como AEK Atenas, Panathinaikos e Paok Salonica.

Santos vive permanentemente na Grécia e passa a maioria do seu tempo assistindo às partidas e olhando jovens talentos, em casa e em outros países do continente.

Jogador chave: Kostas Mitroglou

Não há dúvidas de que o atacante do Olympiakos é o novo queridinho da torcida da Grécia. O jogador finalmente conseguiu se firmar após temporadas frustrantes em segundo plano no clube e na seleção.

O atleta de 25 anos, que o Olympiakos foi buscar nas categorias de base do Borussia Monchengladbach em 2007, sempre mostrou afinidade com os gols, mas agora também está mostrando muita maturidade para liderar o ataque e criar chances para os companheiros.

Apesar de ser um pouco tímido com a mídia, Mitroglou --que fez 41 gols em 84 jogos pelo Olympiakos-- é chamado de “Mitrogol” ou “Pistolero” pelos fanáticos do clube por causa das comemorações em que finge estar disparando uma arma.

A temporada 2013/14 foi certamente a que o revelou. Ele se tornou o primeiro grego a marcar três gols em uma única partida de Liga dos Campeões, contra o Anderlecht, em outubro, e marcou 14 vezes em 10 jogos no Campeonato Grego.

Embora não se destaque pela velocidade, os principais atributos de Mitroglou são a sua inteligência para se movimentar sem a bola, força física e um forte chute de longa distância.

Histórico em Copas: 2 participações (1994 e 2010)

Melhor campanha: Nunca passou da primeira fase

Por Graham Wood

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below