June 29, 2014 / 4:23 PM / 4 years ago

Obama pedirá US$2 bi ao Congresso para enfrentar crise das crianças imigrantes

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, vai pedir ao Congresso mais de 2 bilhões de dólares para enfrentar o crescente fluxo de crianças desacompanhadas que entram nos EUA pela sua fronteira do sul.

Obama vai solicitar os recursos de emergência na segunda-feira, em carta pedindo aos congressistas que ajam no retorno do feriado no dia 7 de julho, disse uma autoridade da Casa Branca, no domingo.

Além disso, Obama vai procurar dar maior poder aos funcionários de imigração dos EUA para acelerar a deportação de crianças pegas cruzando a fronteira, vindas de países como Guatemala, Honduras e El Salvador, disse a autoridade.

O pedido vai marcar um passo importante na tentativa de Obama de conquistar o controle de um cenário caótico, na fronteira dos EUA com o México, onde dezenas de milhares de crianças têm atravessado sem seus pais, consumindo recursos e criando uma crise política e humanitária.

Obama vai pedir ao Congresso para aumentar as penas dos chamados “coiotes” que contrabandeiam crianças através da fronteira e lucram com isso.

A autoridade disse que Obama também vai pedir um “aumento da segurança da fronteira através de uma melhor aplicação da lei nacional,” assim como um aumento no número de juízes de imigração, para que possam julgar mais rapidamente os recentes casos daqueles que atravessam a fronteira ilegalmente.

Obama vai intensificar os esforços junto aos países da América Central, para repatriar os imigrantes que são enviados de volta para seus países de origem e para que resolvam as causas principais da migração. E, disse o funcionário, que vai procurar os recursos necessários para deter, de forma adequada, processar e cuidar das crianças e adultos.”

Durante uma entrevista para a rede de TV ABC na semana passada, Obama exortou os pais, residentes na América Central, a não deixem seus filhos embarcarem numa viagem, frequentemente perigosa, para os EUA, mas até agora, suas palavras tiveram pouco impacto, já que mais de 52 mil crianças atravessaram a fronteira desde outubro passado.

Os congressistas republicanos expressaram indignação com o tratamento dado à crise pela administração de Obama, acusando o governo de deixar as crianças entrarem no país para fazer pressão junto ao Congresso para aprovar uma reforma de imigração estagnada há muito tempo.

Tradução Redação São Paulo, +5511 56447719

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below