September 17, 2014 / 2:43 PM / 4 years ago

Exército do Iraque lança ofensiva contra Estado Islâmico em três cidades

Combatentes xiitas, que se juntaram ao Exército iraquiano para combater o Estado Islâmico, durante treino no deserto. 16/09/2014 REUTERS/Alaa Al-Marjani

BAGDÁ (Reuters) - Forças iraquianas lançaram uma operação militar intensa contra insurgentes do grupo Estado Islâmico em três cidades no centro do país nesta quarta-feira, almejando retomar o controle de territórios perdidos, informaram fontes do setor de segurança.

As ofensivas em Ramadi, Falluja e Haditha, na província de Anbar, no oeste do Iraque, começaram antes da madrugada, segundo as fontes presentes nas três localidades.

Tribos sunitas se revoltaram nestas áreas no final de 2013, quando o então primeiro-ministro xiita, Nuri al-Maliki, enviou suas forças para essas cidades para reprimir um movimento de protesto antigoverno que já durava um ano.

Mais tarde os insurgentes do Estado Islâmico entraram nessas cidades e se tornaram a força dominante ao longo dos vários meses de combates contra o governo de liderança xiita.

Na semana passada o novo premiê iraquiano, Haider al-Abadi, prometeu encerrar os ataques contra áreas urbanas iraquianas para diminuir as baixas civis. Os ataques desta quarta-feira aconteceram em subúrbios distantes das três cidades.

Fontes da área de segurança disseram que a oitava divisão do Exército atuou em áreas no oeste de Ramadi com morteiros, artilharia e disparos de foguete. Combatentes de tribos sunitas aliadas ao governo também confrontaram o Estado Islâmico no local, deixando oito mortos, afirmou uma fonte de um hospital de Ramadi.

Em Falluja, ataques da força aérea iraquiana e bombardeios pesados atingiram o distrito de Al-Sujur, nas cercanias da cidade, matando 12 civis, relataram médicos da localidade.

Militantes do Estado Islâmico tentaram assumir o controle de Barwana, área residencial cerca de cinco quilômetros ao sul de Haditha, também nesta quarta-feira, disse uma fonte do setor de segurança, o que levou a embates com forças pró-Bagdá. Ao contrário do que ocorre em Falluja e Ramadi, o Exército do Iraque ainda controla a maior parte de Haditha.

Por Saif Sameer Hameed

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below