December 6, 2014 / 7:33 PM / 3 years ago

Primeiro-ministro espanhol afirma que se candidataria novamente

MADRI (Reuters) - O primeiro-ministro espanhol, Mariano Rajoy, disse neste sábado que se candidataria à mais uma eleição se fosse apontado como candidato pelo governista Partido Popular (PP), segundo uma porta-voz do governo.

Rajoy, que também afirmou não ter nenhuma intenção de convocar eleições antecipadas, fez os comentários a repórteres em um evento no Parlamento de Madri, segundo a porta-voz.

O PP tem sido ligado a vários escândalos de corrupção, e a ex-ministra da Saúde Ana Mato renunciou ao cargo no mês passado depois de ter sido citada em documentos em posse da Justiça referentes a uma longa investigação.

O próprio PP foi citado como suposto beneficiário de um esquema que ainda está começando a ser investigado, que descortinou uma teia de pagamentos feitos a políticos do PP em troca de contratos de negócios, um golpe à credibilidade do governo em um momento econômico complicado para muitos espanhóis.

As pesquisas indicam que a corrupção é a segunda maior preocupação do eleitorado depois do desemprego, e que a decepção com os dois principais partidos políticos foi o combustível para a ascensão do partido de esquerda Podemos. 

Rajoy pediu desculpas em outubro pelos escândalos de corrupção afetando membros do seu partido e introduziu leis para limpar a política espanhola antes das eleições parlamentares do ano que vem. 

Por Sonya Dowset

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below