March 14, 2015 / 3:42 PM / 4 years ago

Curdos combatem Estado Islâmico na Síria e coalizão realiza ataques aéreos

BEIRUTE (Reuters) - Aviões da coalizão liderada pelos Estados Unidos atingiram posições do Estado Islâmico no nordeste da Síria pelo segundo dia seguido, em uma região onde os militantes enfrentam forças curdas, disseram neste sábado uma autoridade curda e um grupo que monitora a guerra.

A milícia curda YPG, que surgiu como maior parceira da coalizão que enfrenta o Estado Islâmico em solo sírio, conseguiu ganhos significativos nas últimas semanas no norte da nação, cortando uma importante rota de entrada de suprimentos pelo Iraque.

Na semana passada, o Estado Islâmico tentou retomar a iniciativa, atacando combatentes curdos com tanques e armas pesadas próximo à fronteira com a Turquia.

Ataques aéreos atingiram regiões próximas à cidade de Tal Tamer, ao sul da fronteira da Turquia, durante a madrugada da sexta para o sábado, afirmou Redur Xelil, porta-voz do YPG.

“Há confrontos que continuam perto de Tel Tamer, mas os aviões da coalizão atacaram a região. O último bombardeio aconteceu agora há pouco”, disse ele por telefone.

Os ataques noturnos foram os primeiros na região desde o mês passado, revelou Rami Abdulrahman, que comanda o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, com sede na Grã-Bretanha.

Reportagem de Sylvia Westall

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below