June 24, 2015 / 11:51 PM / 3 years ago

Esquadrão de bomba detona mochilas abandonadas no Palácio do Planalto

BRASÍLIA (Reuters) - O Esquadrão de Bomba da Polícia Militar do Distrito Federal detonou na noite desta quarta-feira três mochilas suspeitas que haviam sido abandonadas em frente ao Palácio do Planalto e descartou qualquer ameaça.

Segundo o comandante do Esquadrão de Bombas do Batalhão de Operações Especiais da PMDF, capitão Eduardo Matos, a decisão foi tomada após tentativa frustrada de verificação do conteúdo da terceira bolsa.

“Decidimos então por abrí-los com explosivos ‘NP’ ...É um explosivo não muito potente, justamente utilizado para abrir objetos”, explicou o capitão.

Segundo Matos, sua equipe foi acionada pela segurança do palácio por volta das 15h. As câmeras do Planalto captaram imagens de um homem que abandonou as mochilas e saiu andando em direção a um ponto de ônibus bem próximo ao palácio presidencial.

A suspeita de bomba provocou a interrupção do trânsito no local, onde foi estabelecido um raio de isolamento. Apesar disso, a presidente Dilma Rousseff cumpriu normalmente sua agenda no local.

O esquadrão de bomba se utilizou de um robô para verificar as mochilas e levá-las para um equipamento móvel de raios-x, que apontaram objetos pessoais, de higiene, cadernos e eletrônicos dentro de duas das bolsas. A ideia era inspecioná-las com cachorros farejadores e depois abri-las com o robô, o que não foi possível.

Como não conseguiram descartar totalmente a presença de explosivos na terceira sacola, policiais decidiram detonar as três e eliminar qualquer risco.

“Apesar das imagens não serem conclusivas, também não ficou evidente nenhum artefato”, disse o capitão a jornalistas.

Matos explicou que a partir do momento em que foi acionado, o esquadrão trabalhou com risco máximo. Segundo ele, as mochilas “tinham capacidade para ter grande quantidade de explosivos” que poderiam abalar a estrutura do Palácio do Planalto.

Após a explosão, policiais confirmaram que havia roupas e objetos pessoais nas mochilas.

Reportagem de Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below