29 de Novembro de 2015 / às 12:06 / em 2 anos

Turquia ajudará a controlar imigração em troca de negociações para entrar na UE

BRUXELAS, 29 Nov (Reuters) - A Turquia ajudará a controlar o fluxo de imigrantes que ameaça comprometer o futuro da zona livre de passaportes na Europa em troca de recursos e da retomada das negociações para que o país possa se tornar membro da União Europeia. Essas são as primeiras conclusões do rascunho do acordo a ser negociado na Cúpula UE-Turquia,que se inicia neste domingo.

“Os dois lados vão,conforme o acordado e com efeito imediato, acelerar a sua ativa cooperação na questão dos imigrantes que não precisam de proteção internacional nos seus países de origem”, diz o rascunho do acordo ao qual a Reuters teve acesso. Em troca, a Turquia receberá 3 bilhões de euros de ajuda inicial para arcar com ajuda aos refugiados em seu território.

A UE reabrirá, em dezembro, as negociações com a Turquia sobre seu acesso ao bloco, as quais vêm se arrastando desde 2005, e irá preparar novos encontros de negociação para os três primeiros meses do próximo ano.

A UE também planeja suspender a necessidade de vistos para turcos que planejam viajar para os países do bloco a partir de outubro de 2016 se Ancara atingir certos critérios específicos em um plano acordado pelos dois lados durante a cúpula, mas que ainda pode ser alterado durante as negociações.

Por Jan Strupczewski

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below