December 8, 2015 / 10:05 AM / in 3 years

Autoridades dos EUA dizem que Irã testou míssil, em violação a resoluções da ONU

WASHINGTON/NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O Irã testou um novo míssil balístico de médio alcance no mês passado, em violação a duas resoluções do Conselho de Segurança da ONU, disseram duas autoridades norte-americanas na segunda-feira.

As autoridades, ambas falando sob condição de anonimato, disseram que o teste ocorreu em 21 de novembro. Uma delas disse que o míssil viajou dentro de território iraniano.

Uma fonte diplomática ocidental disse na semana passada, também sob condição de anonimato, que o teste ocorreu próximo a Chabahar, uma cidade portuária perto da fronteira do Irã com o Paquistão. A fonte disse que era um míssil com alcance de 1.900 quilômetros e capaz de carregar uma ogiva nuclear.

Todos os testes de mísseis balísticos pelo Irã estão banidos sob um acordo de 2010 do Conselho de Segurança, que continua válido até a implementação de um acordo nuclear entre o Irã e seis potências mundiais.

Sob o acordo, alcançado em 14 de julho, a maioria das sanções impostas ao Irã será retirada em troca de contenções no programa nuclear. De acordo com uma resolução de 20 de julho que endossa o acordo, o Irã ainda é “convidado” a se abster de trabalho em mísseis balísticos.

Reportagem de Timothy Ahmann, Philip Stewart e Mark Hosenball, em Washington, Louis Charbonneau, em Nova York e Dan Williams, em Jerusalém

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below