28 de Dezembro de 2015 / às 10:31 / em 2 anos

Explosões de bombas matam 32 pessoas e ferem 90 na cidade síria de Homs

BEIRUTE (Reuters) - Pelo menos 32 pessoas foram mortas e 90 ficaram feridas em duas explosões de bombas na cidade síria de Homs nesta segunda-feira, disse o grupo de monitoramento Observatório Sírio para os Direitos Humanos.

As explosões, uma de um carro-bomba e outra de um ataque suicida, atingiram o distrito de Zahra no meio da cidade, disse o Observatório, com sede na Grã-Bretanha, que monitora a guerra na Síria com base em uma rede de contatos no local.

A agência de notícias estatal síria Sana informou que dois carros-bombas explodiram, mas citou um número inicial de vítimas menor, com seis mortos e 37 feridos.

Foi o segundo grande ataque na cidade desde que um acordo de cessar-fogo entre os dois lados em conflito entrou em vigor, no começo deste mês, abrindo caminho para que o governo tome a última área controlada pelos rebeldes em Homs.

Duas explosões em 12 de dezembro, também em Zahra, mataram pelo menos 16 pessoas. O Estado Islâmico reivindicou a responsabilidade do ataque, dizendo que detonou um carro-bomba.

Sob o acordo de cessar-fogo de Homs, pelo menos 700 combatentes insurgentes e membros de suas famílias deixaram a última área controlada pelos rebeldes da cidade, o distrito de al Waer. A Organização das Nações Unidas dirige a implementação do acordo.

Reportagem de John Davison

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below