27 de Novembro de 2016 / às 20:17 / em um ano

Ex-premiê Fillon vence primária de conservadores e vai disputar Presidência da França

PARIS (Reuters) - O ex-primeiro-ministro François Fillon venceu a disputa primária dos conservadores para a eleição presidencial do ano que vem na França por uma ampla vantagem, derrotando o também ex-premiê Alain Juppé, de acordo com os resultados parciais divulgados neste domingo.

Com mais de metade dos 10.228 locais de votação já com os votos apurados, Fillon tinha 68,4 por cento de apoio, contra 31,6 por cento do adversário, de acordo com os organizadores da votação.

Juppé reconheceu a derrota e disse que vai apoiar Fillon na eleição presidencial.

Fillon, que chegou como favorito ao segundo turno das primárias dos conservadores, é o favorito para enfrentar a líder de extrema-direita Marine Le Pen em um aguardado segundo turno da eleição presidencial.

Com a definição do candidato conservador, todas as atenções agora se voltam para o Partido Socialista, em que o impopular atual presidente da França, François Hollande, precisa decidir se vai concorrer na primária partidária em janeiro, em meio a indicativos de que o atual premiê, Manuel Valls, considera lançar sua própria candidatura.

As pesquisas de opinião indicam que nenhum candidato de esquerda chegaria ao segundo turno da disputa presidencial em maio de 2017, deixando Fillon como o adversário direto da candidata anti-imigração e anti-UE Le Pen.

Reportagem de Michel Rose e Ingrid Melander

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below