10 de Janeiro de 2017 / às 13:41 / um ano atrás

Ao menos 23 morrem em ataque suicida perto do Parlamento no Afeganistão

CABUL (Reuters) - Pelo menos 23 pessoas morreram e mais de 20 ficaram feridas na terça-feira em um ataque suicida perto do edifício do Parlamento do Afeganistão, em Cabul, disse Saleem Rasouli, uma autoridade sênior de saúde.

Policiais afegãos patrulham área de ataque suicida em Cabul. 10/01/2017. REUTERS/Omar Sobhani

O grupo islâmico afegão Taliban assumiu a responsabilidade pelas duas explosões perto do Parlamento. O ataque teve como alvo um ônibus com funcionários da NDS, principal agência de inteligência do Afeganistão.

O ataque, que encerra um período de relativa calma na capital afegã, ocorreu em uma área movimentada durante a hora do rush da tarde, em um momento no qual trabalhadores voltavam para casa.

Autoridades dizem que um carro-bomba suicida se explodiu na área de Darul Aman da capital, perto do prédio do Parlamento. A primeira explosão foi seguida por outro carro-bomba, aparentemente em uma operação coordenada.

Mais cedo, um homem-bomba matou sete pessoas e feriu outras nove após ter detonado seus explosivos em uma casa na província de Helmand utilizada pela NDS.

Por Hamid Shalizi

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below