24 de Janeiro de 2017 / às 09:53 / 9 meses atrás

Suprema Corte britânica determina que governo precisa de aprovação do Parlamento para Brexit

LONDRES (Reuters) - A Suprema Corte do Reino Unido decidiu nesta terça-feira que a primeira-ministra britânica, Theresa May, precisa de aprovação do Parlamento antes dar início oficialmente ao processo de saída do Reino Unido da União Europeia.

A mais alta instância judicial britânica rejeitou o argumento do governo de que May poderia simplesmente usar seu poder executivo, conhecido como “prerrogativa real”, para invocar o Artigo 50 do Tratado de Lisboa da UE e iniciar dois anos de negociações para a saída do Reino Unido do bloco.

Reportagem de Michael Holden

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below