18 de Abril de 2017 / às 16:15 / em 6 meses

Suspeito em caso de assassinato mostrado no Facebook se mata após perseguição, diz polícia

(Reuters) - O homem que a polícia disse ter publicado um vídeo dele próprio no Facebook matando um idoso se matou com um tiro após uma “breve perseguição” policial no Estado norte-americano da Pensilvânia nesta terça-feira, informou a polícia.

Homem que se identificou como Steve Stephens, em vídeo que fez de si mesmo no Facebook Live

Steve Stephens era acusado de ter atirado em Robert Godwin em uma calçada em Cleveland no domingo, antes de fugir em um carro e publicar o vídeo do assassinato no Facebook, se tornando o alvo de uma busca nacional.

Reportagem de Jonathan Allen

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below