9 de Junho de 2017 / às 16:39 / 4 meses atrás

Relator Herman Benjamin vota pela cassação da chapa Dilma-Temer por abuso de poder político e econômico

BRASÍLIA (Reuters) - O relator do julgamento da chapa Dilma-Temer no Tribunal Superior Eleitoral (TSE), ministro Herman Benjamin, usou sete fatos para votar nesta sexta-feira pela cassação da chapa pelo “conjunto da obra”, três deles ligados à Odebrecht.

Ministro do TSE Herman Benjamin. 08/06/2017 REUTERS/Ueslei Marcelino

Na véspera, quando leu boa parte do voto, Benjamin já tinha apresentado alguns dos pontos pelos quais condenava a chapa vencedora da eleição em 2014 --formada pela então presidente Dilma Rousseff e seu vice, Michel Temer. [nL1N1J52IE]

Apesar do voto do relator, no entanto, com base em declarações dos demais ministros nos três dias anteriores de julgamento, a expectativa é que a chapa seja absolvida por 4 votos a 3.

Reportagem de Ricardo Brito

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below