1 de Julho de 2017 / às 19:26 / em 5 meses

Médico de Nova York enviou e-mail para jornal antes de ataque em hospital

NOVA YORK (Reuters) - Um médico que matou outro médico em um centro hospitalar na cidade de Nova York e feriu outras seis pessoas antes de se matar enviou um e-mail para um jornal culpando autoridades do hospital por destruírem sua carreira, relatou o New York Daily News neste sábado.

O jornal publicou em seu site uma cópia do e-mail que aparentava ter sido enviado pelo médico Henry Bello horas antes do ataque a tiros na tarde de sexta-feira no hospital Bronx-Líbano.

O atirador, vestindo um jaleco branco, se espreitou por dois andares do hospital, abrindo fogo contra vítimas antes de tentar se incendiar e então se matando com um tiro, disse na sexta-feira o comissário da polícia James O’Neill. Ele estava morto quando foi encontrado pela polícia.

No e-mail, Bello disse que o hospital bloqueou seu caminho para obter uma licença de prática médica no Estado de Nova York.

“Primeiramente, me foi dito que foi porque sempre me contive. Então, foi por conta de uma briga com uma enfermeira”, disse Bello no e-mail.

Ele disse ter sido acusado de ameaçar um colega, em uma das acusações em uma série que chamou de “queixas falsas”.

O e-mail não aparentava ameaçar violência.

Um porta-voz da polícia de Nova York informou não poder confirmar se o atirador enviou um e-mail ao Daily News.

Um representante do hospital Bronx-Líbano, onde as vítimas estavam sendo tratadas, não pôde ser contatado para comentários neste sábado.

Por Frank McGurty em Nova York e Alex Dobuzinskis em Los Angeles

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below