7 de Agosto de 2017 / às 22:50 / em 2 meses

Barcelona goleia Chapecoense em jogo que homenageou vítimas de acidente aéreo

BARCELONA (Reuters) - O Barcelona derrotou a Chapecoense por 5 x 0 no estádio Camp Nou nesta segunda-feira, em partida disputada em homenagem às vítimas do acidente aéreo sofrido pelo time catarinense no ano passado.

Com gols de Gerard Deulofeu, Sergio Busquets, Lionel Messi, Luis Suárez e Denis Suárez, o time catalão ficou com o troféu Joan Gamper, partida tradicionalmente festiva disputada pelo Barça no começo da temporada e para a qual a Chapecoense foi convidada 10 dias depois do acidente.

No final de novembro, o avião que levava a equipe da Chapecoense para a final da Copa Sul-Americana contra o Atlético Nacional caiu nas montanhas perto de Medellín, na Colômbia, matando 71 pessoas.

Seis pessoas sobreviveram, entre elas o lateral Alan Ruschel, que voltou ao futebol justamente contra o Barça e saiu aos 35 minutos do primeiro tempo, trocando depois a camisa com Messi.

“Troquei com o Messi (a camisa). Mais um sonho, o baixinho me deu a honra de trocar a camisa com ele”, disse Alan Ruschel, de acordo com o Twitter da Chapecoense.

Os dois outros jogadores que sobreviveram, o zagueiro Neto e o goleiro Jackson Follmann, que teve parte da perna amputada, foram ao Camp Nou e deram o pontapé inicial. Os três também receberam uma homenagem especial ao saírem do túnel do Camp Nou depois que as equipes entraram, enquanto voluntários levantaram uma bandeira em forma de coração nas cores verde e branca da Chapecoense.

“É uma honra receber a Chapecoense por tudo o que passaram, eles podem contar com a nossa solidariedade”, disse o técnico do Barça, Ernesto Valverde, antes do jogo, o primeiro no Camp Nou desde que ele substituiu Luis Enrique em junho. O Barça doou 250 mil euros para ajudar na reconstrução do clube catarinense.

“Hoje é um dia especial, estamos muito felizes por ter vocês aqui e esperamos que seja uma experiência que vocês nunca esqueçam”, acrescentou o capitão do Barcelona, Andrés Iniesta.

Logo no começo da partida, o Barcelona partiu para o ataque e deu poucas chances para a Chapecoense, cujos momentos de brilho foram protagonizados pelo lateral Apodi, que conseguiu dar dois chapéus no jogo.

O goleiro Arthur Moraes defendeu um pênalti cobrado por Paco Alcácer, no final de um jogo com várias substituições e marcado pelos aplausos dos torcedores às duas equipes.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below