11 de Agosto de 2017 / às 13:47 / em 4 meses

Maia diz que governo não cumpriu papel de cortar despesas e mudar meta fiscal é "muito ruim"

RIO DE JANEIRO (Reuters) - O presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ), afirmou nesta sexta-feira que a mudança da meta fiscal deste ano será “muito ruim” e significa que o governo não conseguiu cumprir seu papel de cortar despesas.

Presidente da Câmara dos Deputados, Rodrigo Maia (DEM-RJ) 03/08/2016 REUTERS/Adriano Machado

Maia reiterou ainda, em palestra na Fundação Getulio Vargas, no Rio de Janeiro, que a Câmara não vai apoiar o governo em nenhum tipo de aumento de impostos, e disse que a crise envolvendo o presidente Michel Temer e o erro na expectativa de arrecadação geraram dificuldades para a aprovação da reforma da Previdência.

O deputado afirmou que, ainda assim, se mantém otimista para a aprovação da medida, que afirmou ser fundamental para resolver a situação do país.

Reportagem de Rodrigo Viga Gaier

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below