17 de Dezembro de 2017 / às 19:11 / em um mês

Conselho de Segurança da ONU decide na 2ª se pede para EUA retirarem decisão sobre Jerusalém

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O Conselho de Segurança da Organização das Nações Unidas vai votar na segunda-feira uma resolução que vai insistir que decisões sobre o status de Jerusalém não têm efeito legal e precisam ser retiradas, disseram diplomatas neste domingo, dias depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, reconheceu a cidade como capital de Israel.

O texto de uma página redigido pelo Egito, que circulou pelo conselho formado por 15 membros no sábado e foi visto pela Reuters, não faz menção aos Estados Unidos ou a Trump. Diplomatas afirmam que o texto tem amplo apoio, mas que provavelmente será vetado por Washington.

Por Michelle Nichols

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below