February 6, 2018 / 9:08 AM / 7 months ago

Preço médio de venda de imóvel residencial fica estável em janeiro, diz FipeZap

SÃO PAULO (Reuters) - O preço médio de venda de imóveis residenciais iniciou 2018 com estabilidade, mostrou o índice FipeZap, que monitora a venda de apartamentos prontos em 20 cidades brasileiras com base em anúncios na Internet.

Em janeiro, o indicador teve variação nominal negativa de 0,01 por cento, para um preço médio de 7.554 reais por metro quadrado, conforme a queda de preço em cidades como Rio de Janeiro (-0,35 por cento), Belo Horizonte (-0,32 por cento) e Contagem (MG) (-0,36 por cento) compensou a alta em municípios como São Caetano do Sul (SP) (+0,65 por cento), Recife (+0,54 por cento) e Florianópolis (+0,4 por cento). Levando em consideração a expectativa de inflação de janeiro ter sido de 0,4 por cento, o índice iniciou o ano com queda real de 0,41 por cento.

Em 12 meses, o índice FipeZap acumula recuo nominal de 0,54 por cento e queda real de 3,41 por cento.

Conforme o levantamento, 11 das 20 localidades monitoradas registraram queda nominal no preço do imóvel residencial em 12 meses, com destaque para Rio de Janeiro (-4,72 por cento), Niterói (-3,14 por cento) e Fortaleza (-2,87 por cento).

A pesquisa sinalizou ainda que o que Rio de Janeiro continuou sendo o município com o metro quadrado residencial mais caro (9.719 reais), seguido por São Paulo (8.688 reais) e Distrito Federal (7.842 reais). Na outra ponta, Contagem (3.509 reais), Goiânia (4.112 reais) e Vila Velha (4.650 reais) eram as cidades com os imóveis mais baratos.

Por Gabriela Mello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below