July 5, 2018 / 10:49 AM / 3 months ago

Mineiro chileno envia mensagem de esperança para meninos presos em caverna na Tailândia

(Reuters) - Um dos 33 mineiros chilenos que foram resgatados em 2010 após passarem 69 dias debaixo da terra em uma mina que desmoronou mandou uma mensagem de encorajamento e esperança para os 12 meninos tailandeses e seu técnico de futebol que estão presos em um complexo de cavernas alagado na Tailândia.

Mineiro chileno Mario Sepúlveda 26/10/2010 REUTERS/Eliseo Fernandez/File Photo

“Eu gostaria de enviar saudações e muita força às autoridades e às famílias dessas 12 crianças”, disse Mario Sepúlveda, em vídeo publicado em sua conta no Twitter.

“Eu não tenho dúvidas de que se o governo desse país fizer todos os esforços humanamente possíveis, esse resgate será bem-sucedido. Que Deus abençoe vocês”, disse o mineiro, usando um capacete vermelho e um colete de proteção amarelo.

Mergulhadores de resgate encontraram os 12 meninos e seu técnico na segunda-feira, amontoados em uma rocha elevada em uma parte parcialmente alagada da caverna, nove dias depois de desaparecerem, logo antes da temporada de fortes chuvas atingir a província de Chiang Rai, no norte da Tailândia.

Os meninos estavam pálidos e fracos, mas com boa saúde.

Agora, autoridades precisam descobrir como retirá-los através de diversos quilômetros de túneis inundados, e eles podem precisar permanecer na caverna até que o nível da água abaixe, no final da temporada de chuvas em cerca de quatro meses.

Os 33 mineiros chilenos passaram mais de dois meses debaixo da terra depois que sua mina de ouro e cobre desmoronou no dia 5 de agosto de 2010. Durante os primeiros 17 dias, acreditava-se que todos estavam mortos.

“Estamos rezando por cada um de vocês, por cada uma das famílias e por essas crianças”, disse Sepúlveda.

“Quero que vocês saibam que nós sabemos pelo que vocês estão passando —a angústia, a tristeza, o desespero, e a agonia que vocês estão sentindo”, acrescentou sua mulher, Katty Valdivia, em email.

Reportagem de Ng Yi Shu, Clara Ferreira-Marques e Chang-Ran Kim

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below