July 27, 2018 / 12:35 PM / 2 months ago

Usiminas tem prejuízo líquido de R$19 mi no 2º tri e Ebitda ajustado recua 31%

SÃO PAULO (Reuters) - A Usiminas teve prejuízo líquido de 19 milhões de reais no segundo trimestre, ante lucro de 176 milhões de reais no mesmo período do ano passado, devido principalmente à variação cambial no período, anunciou a siderúrgica mineira nesta sexta-feira.

An employee works in Brazilian steelmaker Usiminas' blast furnace after a long shutdown, in Ipatinga, Minas Gerais state, Brazil April 17, 2018. REUTERS/Alexandre Mota - RC12D73628A0

A companhia teve geração de caixa medida pelo lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) ajustado 519 milhões de reais, queda de 30,8 por cento ante abril a junho de 2017. A margem Ebitda despencou para 16 por cento, ante 29 por cento no mesmo período do ano passado.

A Usiminas vendeu um total de 977 mil toneladas de aço, queda de 1,31 por cento na comparação anual, enquanto as vendas de minério saltaram 120 por cento para 1,386 milhão de toneladas.

A receita líquida total saltou 24,7 por cento para 3,204 bilhões de reais no trimestre, enquanto os custos dos produtos vendidos subiram 19,8 por cento, para 2,621 bilhões de reais.

A receita com mineração subiu para 202,1 milhões de reais, ante 89,1 milhões de reais no segundo trimestre de 2017, com Ebitda ajustado de 33,3 milhões de reais e margem de 16,5 por cento

Já a receita com siderurgia subiu para 2,9 bilhões de reais ante 2,5 bilhões de reais no segundo trimestre do ano passado, apesar da queda do volume vendido.

O resultado financeiro ficou negativo em 276,6 milhões de reais, ante 171,3 milhões de reais negativos no mesmo trimestre do ano passado, devido a perdas cambiais líquidas de quase 150 milhões de reais.

O capital de giro no trimestre foi de 3,7 bilhões de reais, em função dos aumentos dos estoques devido a greve dos caminheiros, que dificultou o escoamento da produção, entre outros fatores.

A dívida líquida consolidada encerrou o semestre em 4,7 bilhões de reais, contra 5 bilhões de reais em junho de 2017. A dívida líquida/Ebitda caiu para 2,3 vezes ante 2,8 vezes no segundo trimestre de 2017.

Por Raquel Stenzel

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below