August 6, 2018 / 10:37 AM / a month ago

Coreia do Norte pede que EUA suspendam sanções; Seul investiga exportação ilegal de carvão

SEUL (Reuters) - A mídia norte-coreana pediu nesta segunda-feira que os Estados Unidos suspendam sanções contra o país, enquanto a Coreia do Sul anunciou estar investigando nove casos de exportação de carvão norte-coreano que possivelmente violam resoluções da ONU.

Membros de grupo conservador de direita protestam contra a Coreia do Norte a a favor dos EUA em Seul 04/08/2018 REUTERS/Kim Hong-Ji

Pyongyang demonstrou boa fé ao encerrar testes de armas nucleares e devolver os restos mortais de soldados norte-americanos mortos durante a Guerra da Coreia, e as sanções perderam a razão de existir, disse editorial do jornal Rodong Sinmun, do governista Partido dos Trabalhadores.

O editorial é publicado no momento em que a Coreia do Sul está examinando nove casos em que carvão norte-coreano, disfarçado de produtos russos, foi possivelmente importado, disse o Ministério de Relações Exteriores e autoridades da alfândega de Seul.

“Houve argumentos absurdos vindo do Departamento de Estado dos EUA de que não irá aliviar sanções até que a desnuclearização seja concluída, e reforçar sanções é uma maneira de elevar seu poder de negociação”, disse o jornal.

“Como podem as sanções, que o governo norte-americano impôs como parte de sua política hostil contra nós, promover a amizade entre os dois países?”.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below