October 1, 2019 / 5:34 PM / 2 months ago

Polícia de Hong Kong atira em manifestante com arma de fogo, em escalada da violência

HONG KONG (Reuters) - A polícia de Hong Kong atirou contra um manifestante de 18 anos nesta terça-feira, no primeiro episódio em que uma pessoa é atingida por arma de fogo em quase quatro meses de distúrbios na cidade governada pela China, em meio a confrontos violentos no 70º aniversário de fundação do regime comunista chinês.

Policial atira com arma de fogo em manifestante durante protesto em Hong Kong, em imagem congelada de vídeo disponível em rede social 01/10/2019 Editorial Board, CityU SU/via REUTERS

Verdadeiras batalhas se espalharam pelas ruas do distrito elegante de Causeway Bay até o Almirantado, área de escritórios do governo localizada na ilha de Hong Kong. A violência também se intensificou nos Novos Territórios, que fazem fronteira com a China, e a polícia utilizou gás lacrimogêneo e canhões de água contra manifestantes que lançavam bombas incendiárias.

A polícia disse que um policial disparou no ombro de um homem de 18 anos na área de Tsuen Wan, nos Novos Territórios, com munição real. Manifestantes já haviam sido atingidos anteriormente com balas de borracha, e oficiais dispararam com munição real para o alto em outras oportunidades.

O chefe de polícia, Stephen Lo, disse que disparos de munição real —que ocorreram em três locais— foram legais e justificados.

“Vidas da polícia estavam sob séria ameaça, é por isso que dispararam com munição real”, disse ele a repórteres, acrescentando que o homem ferido estava consciente quando levado ao hospital.

Imagens dramáticas do incidente em Tsuen Wan mostram um tumulto caótico, com policiais da tropa de choque enfrentando manifestantes empunhando barras de metal, até que um policial dispara um tiro à queima-roupa.

Quando o homem ferido dá um passo para trás e cai, alguém tenta ajudar, mas outro policial o derruba no chão.

A violência desta terça-feira foi a maior desde que os distúrbios começaram no início de junho, mergulhando a ex-colônia britânica em sua maior crise política em décadas e representando o maior desafio ao presidente chinês, Xi Jinping, desde que ele chegou ao poder.

Ao menos 15 pessoas ficaram feridas em todo o território, uma delas em estado grave, disse a Autoridade Hospitalar, sem dar detalhes.

A polícia usou canhões de água e vários cilindros de gás lacrimogêneo para dispersar manifestantes que atiravam coquetéis molotov diante de escritórios do governo central na área do Almirantado e ordenou o esvaziamento do edifício do Conselho Legislativo logo ao lado.

A corporação disse que “arruaceiros” usaram fluído corrosivo em Tuen Mun, a oeste dos Novos Territórios, “ferindo diversos policiais e repórteres”. Não havia detalhes disponíveis de imediato.

O território está tenso há semanas, e os protestos têm sido frequentemente violentos. As autoridades tentavam evitar que ativistas estragassem o desfile de aniversário de Pequim no momento em que o governo central está às voltas com uma guerra comercial entre Estados Unidos e China e uma economia que perde força.

À tarde, policiais e manifestantes enfrentavam impasses em toda Hong Kong, e as ruas estavam repletas de cilindros de gás lacrimogêneo e destroços. Quase quatro meses de confrontos de rua e manifestações mergulharam a ex-colônia britânica em sua pior crise política em décadas, e representam o desafio popular mais sério ao presidente chinês, Xi Jinping, desde que ele tomou posse.

Mais cedo, milhares de manifestantes vestidos de preto, alguns com máscaras de Guy Fawkes, marcharam de Causeway Bay à sede do governo no Almirantado, desafiando uma proibição a um protesto.

Reportagem adicional de Sharon Tam, Poppy McPherson, Anne Marie Roantree, Farah Master, James Pomfret, Twinnie Siu, Alun John, David Kirton, Jennifer Hughes e Keith Zhai

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below