October 13, 2019 / 5:48 PM / a month ago

Queniana Kosgei bate recorde mundial DE 16 anos da maratona

CHICAGO (Reuters) - A queniana Brigid Kosgei quebrou o recorde mundial da maratona de Paula Radcliffe, que durava 16 anos, por mais de um minuto, ao correr a maratona de Chicago em 2h14min4 neste domingo.

Kosgei estabeleceu um ritmo devastador desde o início para quebrar o recorde de 2h15min25 da britânica Radcliffe, alcançado em Londres em abril de 2003.

“Eles (os espectadores) estavam torcendo, torcendo e eu adquiri mais energia para me manter mais rápida”, disse a campeã Kosgei.

Radcliffe estava presente para testemunhar a queda de seu recorde. “Quando eu vi a rapidez com que Brigid estava correndo na primeira parte da corrida, se conseguisse manter isso unido, sempre venceria o tempo”, afirmou Radcliffe.

Kosgei, que manteve a liderança no decorrer da corrida, jogou as mãos no ar em triunfo ao cruzar a linha de chegada, mais de seis minutos à frente da segunda colocada Ababel Yeshaneh, da Etiópia.

Na corrida masculina, o queniano Lawrence Cherono passou pelo etíope Dejene Debela para obter a vitória. Ele marcou o tempo de 2h05min45 não oficial para adicionar o triunfo ao seu título na Maratona de Boston.

Debela ficou em segundo lugar, com o campeão britânico Mo Farah em oitavo com 2h09min58 e Galen Rupp não conseguiu terminar.

A corrida foi a primeira para Farah e Rupp desde que o ex-técnico deles, Alberto Salazar, foi banido do esporte por quatro anos pela Agência Antidoping dos EUA (Usada) por “orquestrar e facilitar a conduta proibida de doping”. Salazar disse que planeja apelar contra a decisão.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below