for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Cidade na região chinesa da Mongólia Interior alerta sobre caso suspeito de peste bubônica

PEQUIM (Reuters) - Autoridades de uma cidade da região chinesa da Mongólia Interior emitiram um alerta neste domingo, um dia depois que um hospital relatou um caso de suspeita de peste bubônica.

O comitê de saúde da cidade de Bayan Nur emitiu o alerta de terceiro nível, o segundo mais baixo de um sistema de quatro níveis.

O alerta proíbe a caça e o consumo de animais que possam levar a peste e pede ao público que relate quaisquer casos suspeitos de peste ou febre sem causas claras e que denuncie qualquer marmota doente ou morta.

O alerta deste domingo se segue a quatro casos relatados de peste em pessoas da Mongólia Interior em novembro passado, incluindo dois de peste pneumônica, uma variante mais mortal da peste.

A peste bubônica, conhecida como “Peste Negra” na Idade Média, é uma doença altamente infecciosa e frequentemente fatal que se espalha principalmente por roedores.

Casos de peste não são incomuns na China, mas surtos têm se tornado cada vez mais raros. De 2009 a 2018, a China registrou 26 casos e 11 mortes.

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up