July 9, 2020 / 2:07 PM / a month ago

Em resposta a investidores estrangeiros, governo vai proibir queimadas por 120 dias

Árvore em chamas durante queimada na Amazônia 15/09/2019 REUTERS/Ricardo Moraes

BRASÍLIA (Reuters) - O governo federal publicará nos próximos dias um decreto proibindo todos os tipos de queimadas na Amazônia e no Pantanal por 120 dias, em resposta a fundos de investimento estrangeiros que alertaram o Brasil para o risco de retirada de recursos do país devido à política ambiental do governo do presidente Jair Bolsonaro, disse à Reuters uma fonte com conhecimento da decisão.

O anúncio foi feito aos investidores em uma reunião por videoconferência na manhã desta quinta-feira entre autoridades do governo com representantes dos fundos, e deve ser uma das medidas para aliviar a pressão dos investidores diante da imagem negativa do Brasil no exterior em termos ambientais.

O decreto deverá proibir todos os tipos de queimadas, mesmo as chamadas controladas, que são feitas com autorização dos órgãos de vigilância, ou as feitas por comunidades locais tradicionais.

Em 2019, o Brasil bateu recordes em queimadas na Amazônia, e imagens da floresta pegando fogo rodaram o mundo. Este ano, o número de focos de incêndio no mês de junho aumentou em 20% e atingiu o nível mais alto em 13 anos para o mês.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below