for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up
Nacional

STF barra impressão de comprovante de voto nas eleições

Urnas eletrônicas em Curitiba, em outubro de 2018 22/10/2018 REUTERS/Rodolfo Buhrer

BRASÍLIA (Reuters) - O Supremo Tribunal Federal (STF) decidiu barrar uma norma que previa a impressão de um comprovante de votação pela urna eletrônica, conforme previa a minirreforma eleitoral de 2015.

Esse trecho da lei já estava suspenso liminarmente por determinação do plenário do Supremo às vésperas da eleição presidencial de 2018.

Com o julgamento de agora do plenário do Supremo, em votação virtual, a decisão se tornou definitiva.

O presidente Jair Bolsonaro já fez defesas públicas da adoção do voto impresso em eleições, ao alegar --sem apresentar provas-- que haveria fraudes no sistema eletrônico de votação.

Reportagem de Ricardo Brito

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up