for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

Estado crucial, Flórida inicia votação antecipada na reta final da campanha

(Reuters) - A votação antecipada para a eleição presidencial norte-americana de 3 de novembro no Estado crucial da Flórida começou nesta segunda-feira, e 28 milhões de cidadãos já depositaram suas cédulas em todo o país faltando cerca de duas semanas de campanha eleitoral --um número recorde.

Joe Biden e Donald Trump 12/08/2020 01/09/2020 REUTERS/Carlos Barria/Leah Millis

O presidente Donald Trump, que está ficando sem tempo para mudar a dinâmica de uma disputa que pesquisas o mostram perdendo, visitará o Arizona também nesta segunda-feira depois de realizar um comício em Nevada no domingo e fará um apelo para que seus apoiadores votem em meio aos sinais de que os democratas estão liderando a onda de votação antecipada.

Seu desafiante democrata, Joe Biden, que fez campanha na Carolina do Norte, outro Estado-chave, no domingo, passará o dia em sua sede domiciliar de Delaware, enquanto sua vice de chapa, Kamala Harris, segue para a Flórida para incentivar os eleitores a votarem antecipadamente.

Uma vitória na Flórida é vista por muitos como uma necessidade para Trump, cujo caminho para a reeleição se estreita se ele perder o Estado do sul. Os 29 votos da Flórida no Colégio Eleitoral empatam com os de Nova York na terceira posição, só vindo atrás dos da Califórnia e do Texas, na corrida pelos 270 votos do Colégio Eleitoral, que determina o vencedor da disputa pela Presidência no sistema norte-americano.

A pesquisa Reuters/Ipsos de 7 a 14 de outubro mostrou Biden com 49% de apoio e Trump com 47%, dentro da margem de credibilidade de quatro pontos percentuais da sondagem.

As duas equipes eleitorais esbanjaram com anúncios na Flórida, mas Biden, que arrecadou consideravelmente mais do que Trump desde o verão e estabeleceu recordes mensais consecutivos para um candidato norte-americano, vem gastando mais que seu adversário republicano.

Harris, que foi aprovada em um exame de saúde depois de uma assessora ser diagnosticada com Covid-19, participará de eventos de incentivo à votação antecipada em Orlando e Jacksonville, informou a equipe.

Trump fará comícios primeiro em Prescott e depois em Tucson, no Arizona.

Os 27,9 milhões de norte-americanos que já votaram por correio ou em pessoa, de acordo com o Projeto de Eleições dos EUA da Universidade da Flórida, são um contingente muito maior do que o visto a esta altura da campanha em anos anteriores.

Os democratas representam 55% do 10,9 milhões de votos antecipados depositados em Estados que divulgam dados de registro partidário, e os republicanos 24%.

Por Joseph Ax e James Oliphant

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up