for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up

China diz que EUA intimidam países a tomarem partido e que tentativa não funcionará

Porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, durante entrevista coletiva em Pequim 10/09/2020 REUTERS/Carlos Garcia Rawlins

PEQUIM (Reuters) - Os Estados Unidos estão intimidando outros países para tomarem partido sobre suas relações com a China, mas esses esforços não terão sucesso, disse o porta-voz do Ministério das Relações Exteriores da China, Zhao Lijian, durante entrevista coletiva nesta sexta-feira.

Os EUA estão pedindo ao Sri Lanka que tomem “decisões difíceis, mas necessárias” para garantir sua independência econômica, em vez de escolherem práticas opacas, disse uma alta autoridade do Departamento de Estado norte-americano em uma aparente referência ao aprofundamento da influência chinesa sobre o país do sul da Ásia.

Reportagem de Gabriel Crossley

for-phone-onlyfor-tablet-portrait-upfor-tablet-landscape-upfor-desktop-upfor-wide-desktop-up