June 29, 2015 / 10:34 AM / 3 years ago

Carro-bomba fere procurador-geral do Egito no Cairo, dizem fontes

Local de ataque a comboio de procurador-geral do Egito no bairro de Heliópolis, no Cairo. 29/06/2015 REUTERS/Mohamed Abd El Ghany

CAIRO (Reuters) - O procurador-geral do Egito sofreu ferimentos não especificados quando um carro-bomba bateu em seu comboio no momento em que ele saía de casa no Cairo nesta segunda-feira, disseram fontes da área de segurança e da Justiça.

Um grupo pouco conhecido autodenominado “Resistência Popular Giza” reivindicou a responsabilidade, em sua página no Facebook, pelo ataque contra Hisham Barakat em frente à casa dele no bairro abastado de Heliópolis.

Juízes e outras autoridades têm se tornado alvo de militantes islâmicos que se opõem ao presidente Abdel Fattah al-Sisi e que aparentemente estão irritados com as pesadas penas de prisão impostas a membros da Irmandade Muçulmana.

Segundo fontes da área de segurança e do Judiciário, o ataque com o carro-bomba contra Barakat também feriu dois policiais e dois civis.

A Resistência Popular Giza publicou fotos na Internet que disse serem do ataque. A Reuters não pôde verificar a autenticidade da declaração do grupo.

Reportagem de Ahmed Hassan

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below