July 27, 2015 / 1:15 PM / 2 years ago

Obama diz que ainda não ouviu bom argumento contra acordo com Irã

ADDIS ABABA (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, disse nesta segunda-feira que ainda não ouviu um argumento factual forte contra o acordo com o Irã, e criticou a retórica de alguns membros de destaque do Partido Republicano sobre o pacto a respeito do programa nuclear iraniano.

Obama, falando na Etiópia durante uma viagem por nações africanas, disse que a maioria dos cientistas nucleares e especialistas em não proliferação do mundo apoiou o acordo de 14 de julho, indicando que era a melhor maneira de impedir o Irã de obter armas nucleares.

“Existe uma razão para 99 por cento do mundo achar que é um bom acordo - porque é um bom acordo”, disse Obama em entrevista coletiva conjunta com o premiê da Etiópia, Hailemariam Desalegn, na capital Addis Ababa.

“A boa notícia é que ainda não ouvi um argumento factual no outro lado que mantenha-se ao escrutínio”, acrescentou.

Obama disse que a retórica de Mike Huckabeee, que busca a candidatura republicana à Presidência dos EUA, faz parte de um padrão de comentários ridículos e tristes.

Obama também criticou comentários do pré-candidato republicano Donald Trump sobre o veterano de guerra John McCain, dizendo que o debate presidencial merece ser mais elevado.

Reportagem de Jeff Mason

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below