August 6, 2015 / 12:59 PM / 3 years ago

Trump será o centro das atenções no primeiro debate entre republicanos

CLEVELAND, Estados Unidos (Reuters) - O magnata Donald Trump estará no centro do palco e, potencialmente, na linha de fogo nesta quinta-feira, quando os dez principais pré-candidatos presidenciais republicanos vão procurar se destacar no primeiro debate do processo de escolha do representante do partido para as eleições de 2016.

Candidato à presidência dos EUA Donald Trump durante evento em New Hampshire. 16/07/2015 REUTERS/Dominick Reuter

O empresário do setor imobiliário, bem como os rivais Jeb Bush, Scott Walker, Marco Rubio e outros seis, se apresentarão às 21h (22h em Brasília) na Quicken Loans Arena, em Cleveland, apenas três horas depois de os sete pré-candidatos com classificação mais baixa nas pesquisas encerrarem um debate em separado.

O evento, que terá como moderador os âncoras Bret Baier, Megyn Kelly e Chris Wallace, da Fox News, vai propiciar aos norte-americanos uma primeira oportunidade de conhecer os principais candidatos em conjunto, faltando seis meses para as primeiras primárias partidárias, no Estado de Iowa.

Para Trump, o primeiro debate será uma chance de mostrar que tem uma visão substancial para o país e ir além da sua retórica de atirador de pedras. Sua rápida ascensão ao topo do bloco republicano nas pesquisas já lhe rendeu o status de estar no centro do palco no debate.

O estilo arrasador de Trump na campanha, com a tendência a fazer observações incendiárias, tais como o questionamento sobre o heroísmo de guerra do senador John McCain e os comentários sobre os imigrantes mexicanos, os quais tachou de criminosos e estupradores, representou um nível de cobertura da imprensa que ofuscou muitos de seus rivais.

A grande questão para os rivais de Trump é se eles vão estar dispostos a enfrentá-lo ou simplesmente ficarão de tocaia, esperando que ele imploda por si mesmo no debate. É provável que os principais candidatos, como Bush, Walker e Rubio, se atenham a falar de seus feitos e sua visão para o país, enquanto outros que precisam de algo impactante para se destacarem nas pesquisas, como os governadores de Ohio, John Kasich, e de Nova Jersey, Chris Christie, podem procurar uma brecha para se sobressair em alguma disputa com Trump. 

A estrategista republicana Katie Packer disse que a técnica inteligente é a de desviar da lama atirada por Trump. “Não há nenhuma razão para lutar com um porco porque você fica sujo, e você deixa o porco louco”, disse.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below