August 26, 2015 / 12:36 PM / 3 years ago

Premiê turco convida candidatos da oposição a integrar gabinete interino, dizem fontes

Primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, durante conferência em Ancara. 25/08/2015 REUTERS/Umit Bektas

ANCARA (Reuters) - O primeiro-ministro turco, Ahmet Davutoglu, convidou 11 membros da oposição a integrarem um gabinete interino e conduzir o país às eleições antecipadas marcadas para novembro, disseram fontes de seu gabinete nesta quarta-feira.

Os candidatos, que incluem cinco membros do principal partido oposicionista, o CHP, e três membros cada do nacionalista MHP e do pró-curdo HDP, têm até 18 horas (meio-dia, pelo horário de Brasília) de quinta-feira para aceitar ou recusar os lugares, disseram as fontes.

O CHP e MHP já informaram que não vão participar, enquanto o HDP declarou estar disposto a aceitar. De acordo com a Constituição, os lugares não ocupados por partidos de oposição serão dados a candidatos independentes, de fora do Parlamento.

Na terça-feira o presidente turco, Tayyip Erdogan, nomeou Davutoglu para formar o gabinete interino, depois que dois meses de negociações da coalizão não conseguiram produzir um governo operacional.

O AK, partido no poder, fundado por Erdogan, perdeu a maioria nas eleições de 7 de junho, pela primeira vez desde que chegou ao poder em 2002.

Reportagem de Gulsen Solaker

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below