August 30, 2015 / 3:32 PM / 2 years ago

Grã Bretanha ataca sistema de imigração da Europa e exige medidas duras

LONDRES, 30 (Reuters) - O sistema de imigração da Europa é inoperante escreveu neste domingo a ministra do Interior britânica, Theresa May, culpando o sistema sem fronteiras de exarcebrar a crise migratória e exigiu medidas mais duras da União Europeia sobre a livre circulação.

A onda de imigrantes que surge da guerra e pobreza deu origem à pior crise de refugiados na Europa desde a Segunda Guerra Mundial e tem custado a vida de milhares de pessoas que fazem travessias marítimas e terrestres perigosas pelo continente.

Em um texto publicado no jornal “The Sunday Times”, May disse que o cógigo de fronteiras Schengen, que eliminou controles fronteiriços sistemáticos em grande parte da Europa, e no qual o Reino Unido tomou parte, tem alimentado a crise imigratória.

“A medida que os países da Europa se dão mais conta, estas tragédias se exarcebam por um sistema europeu sem fronteiras”, escreveu May.

Esta semana corpos de 71 refugiados, entre eles o de um bebê, foram encontrados no interior da Áustria em um caminhão de frigorífico abandonado e mais de uma centena de corpos de imigrantes mortos foram encontrados na costa da Líbia em embarcação com destino à Europa. (Reportagem de William James)

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below