12 de Setembro de 2015 / às 13:51 / 2 anos atrás

Socialista vence eleição para líder do Partido trabalhista britânico

LONDRES (Reuters) - O socialista e admirador de Karl Marx Jeremy Corbyn foi eleito neste sábado líder do Partido Trabalhista britânico, de oposição, um resultado que pode deixar a saída da Grã-Bretanha da União Europeia mais provável e que, de acordo com algumas lideranças, deixaria o partido inelegível.

“Posso começar agradecendo a todos que participaram desta eleição democrática?”, disse Corbyn, em seu discurso da vitória.

Ele teve 59,5 por cento dos votos pela liderança, vencendo no primeiro turno. Quando o resultado foi anunciado, ele foi ovacionado e abraçado até por rivais.

Com cabelos grisalhos e barba, Corbyn, de 66 anos, que recebeu apoio apenas para entrar na disputa e nunca esperava vencer, derrotou dois ex-ministros trabalhistas, Yvette Cooper e Andy Burnham, além de Liz Kendall, considerada próxima do ex-primeiro-ministro Tony Blair.

Corbyn, um esquerdista e veterano congressista, com uma longa história de votar contra o seu próprio partido, triunfou baseado em uma plataforma que promete, entre outras coisas, o aumento de investimento do governo por meio da emissão de papel moeda.

Reportagem de William James e Michael Holden

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below