8 de Outubro de 2015 / às 12:55 / em 2 anos

Blatter está decepcionado por não ter sido ouvido antes da suspensão da Fifa, dizem advogados

NOVA YORK (Reuters) - Joseph Blatter lamenta que o Comitê de Ética da Fifa não tenha falado com ele antes de o suspender provisoriamente, disseram nesta quinta-feira os advogados do presidente da entidade que comanda o futebol do mundo.

Presidente da Fifa, Joseph Blatter, durante evento em Ulrichen, na Suíça. 22/08/2015 REUTERS/Denis Balibouse

“O presidente Blatter ficou desapontado porque o Comitê de Ética não seguiu o Código de Ética e Código Disciplinar, os quais preveem que ele tenha a oportunidade de ser ouvido”, disseram os advogados de Blatter em um comunicado enviado por email.

“Além disso, o Comitê de Ética baseou a sua decisão em um mal-entendido sobre as ações do Ministério Público na Suíça, que abriu uma investigação, mas não apresentou nenhuma acusação contra o presidente.”

Advogados de Blatter disseram que esperam ansiosamente apresentar as provas de que vão demonstrar que ele não se envolveu em nenhum ato impróprio.

Reportagem de David Ingram

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below