8 de Outubro de 2015 / às 14:50 / em 2 anos

Cunha diz que é difícil CMO apreciar contas do governo de 2014 ainda este ano

Presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), na Câmara dos Deputados, em Brasília. 12/05/2015 REUTERS/Ueslei Marcelino

BRASÍLIA (Reuters) - O presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), afirmou nesta quinta-feira que acha difícil a Comissão Mista de Orçamento (CMO) do Congresso apreciar ainda este ano análise das contas do governo de 2014 feita pelo TCU, que recomendou a rejeição.

Cunha reiterou que, apesar da decisão do Tribunal de Contas da União tomada na véspera, a palavra final é do Congresso Nacional.

Por Maria Carolina Marcello

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below