October 12, 2015 / 8:29 PM / 3 years ago

Promessas climáticas globais não são suficientes, mas bom começo, diz Comissão Europeia

RABAT (Reuters) - Mesmo com a implementação integral de todas as promessas nacionais de cortes nas emissões de gases do efeito estufa, o aquecimento global seria de 3 graus Celsius em vez dos 2 graus almejados para se evitar consequências perigosas, disse a Comissão Europeia nesta segunda-feira.

O comissário europeu para Clima e Energia, Miguel Arias Cañete, disse que 149 países haviam submetido seus compromissos, conhecidos na linguagem diplomática da ONU como INDC’s, acrônimo em inglês para Contribuições Nacionalmente Determinadas Pretendidas, antes do encontro sobre mudanças climáticas marcado para dezembro em Paris.

“De acordo com nossos estudos internos, vamos estar em cerca de 3 graus (acima dos níveis anteriores à Revolução Industrial) até o final do século com a implementação desses INDC’s”, disse ele. “... Se não fizermos algo, se continuarmos a agir como de costume, o aumento das temperaturas vai ficar entre 3,8 e 4,7 graus.”

O número de 149 países que enviaram seus compromissos é maior do que os 62 que o haviam feito alguns meses atrás, cobrindo 90 por cento das emissões globais, disse Cañete à Reuters em meio a um encontro preparatório pré-Paris em Rabat, no Marrocos.

“É um número substancial. Muitos deles estão vindo antes de Paris”, disse ele. O objetivo final é de 200 governos se comprometerem com a redução para metade das emissões mundiais até 2050.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below