October 20, 2015 / 9:40 AM / 3 years ago

Ataques aéreos russos mata 45 na Síria, incluindo comandante rebelde, dizem monitores

Fumaça na província síria de Latakia. 27/04/2015 REUTERS/Ammar Abdullah

BEIRUTE (Reuters) - Ataques aéreos russos na província síria de Latakia mataram um comandante rebelde de um grupo armado pelos opositores estrangeiros do presidente da Síria, Bashar al-Assad, disse um grupo de monitoramento do conflito nesta terça-feira.

O Observatório Sírio para os Direitos Humanos disse que 45 pessoas —tanto combatentes rebeldes como civis— foram mortas nos ataques aéreos ocorridos na tarde de segunda-feira na área de Jabal Akrad, que é controlado pelo grupo rebelde conhecido como Primeira Divisão Costeira.

O grupo, que luta sob a bandeira de uma aliança de facções conhecida como “Exército Livre da Síria”, confirmou a morte de seu comandante Basil Zamo, um ex-capitão das Forças Armadas Síria.

Os rebeldes da Primeira Divisão Costeira estão entre os vários que receberam apoio militar do exterior como parte de um programa apoiado pelos Estados Unidos, incluindo mísseis antitanques de fabricação norte-americana, que são as armas mais potentes em mãos de rebeldes.

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below