26 de Outubro de 2015 / às 10:39 / 2 anos atrás

Confronto deixa 2 policiais e 7 militantes do Estado Islâmico mortos na Turquia

Nuvens acima da cidade de Istambul. 25/10/2015 REUTERS/Murad Sezer

DIARBAQUIR/ISTAMBUL (Reuters) - Dois policias turcos e sete militantes do Estado Islâmico morreram em uma troca de tiros após a polícia invadir mais de uma dúzia de casas na Turquia nesta segunda-feira, disseram fontes de segurança e um porta-voz do governo.

O confronto ocorreu no distrito de Kayapinar, na cidade de Diarbaquir, de maioria curda. Foi a primeira troca de tiros de tal tipo entre as forças de segurança turcas e supostos militantes do Estado Islâmico em uma cidade do interior. Confrontos anteriores aconteceram antes na fronteira entre Síria e Turquia.

Cinco policiais ficaram feridos e 12 militantes foram presos, disse o porta-voz Numan Kurtulmus.

“Uma célula importante do Estado Islâmico foi neutralizada”, disse a repórteres. “Trabalhos para identificar (militantes) e desmascarar suas conexões em outras cidades estão acontecendo”.

Autoridades turcas aumentaram as operações contra supostas células do Estado Islâmico após um atentado duplo com bombas em Ancara matar mais de 100 pessoas, no pior ataque do tipo na história moderna turca. O grupo militante foi considerado o culpado.

Na semana passada, o presidente Tayyip Erdogan disse que a inteligência síria e militantes curdos, não só o Estado Islâmico, estavam por trás de um ataque a uma manifestação de ativistas pró-curdos e grupos civis.

Reportagem de Seyhmus Cakan e Can Sezer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below