November 13, 2015 / 11:15 PM / 3 years ago

Obama chama ataques em Paris de "tentativa ultrajante para aterrorizar civis"

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, prometeu apoio do seu governo à França depois que uma série de atentados ocorreu em Paris nesta sexta-feira, mas disse que ainda não sabe os detalhes do que aconteceu e que a situação ainda está em andamento.

Presidente dos Estados Unidos, Barack Obama, durante pronunciamento sobre ataques contra França, na Casa Branca, em Washington, nesta sexta-feira. 13/11/2015 REUTERS/Kevin Lamarque

“Mais uma vez nós vimos uma tentativa ultrajante para aterrorizar civis inocentes”, disse Obama a jornalistas na Casa Branca.

“Estamos preparados e prontos para prestar qualquer assistência que o governo e o povo da França precisem”, disse ele, prometendo “levar estes terroristas à Justiça e ir atrás de todas as redes terroristas” envolvidas.

“Aqueles que pensam que podem aterrorizar o povo da França ou os valores que representa estão errados”, disse Obama.

Reportagem de Roberta Rampton

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below