15 de Novembro de 2015 / às 19:39 / 2 anos atrás

Estados Unidos e França concordam com medidas contra Estado Islâmico

WASHINGTON (Reuters) - Os Estados Unidos e a França concordaram em adotar medidas concretas para sedimentar a luta contra o Estado Islâmico durante uma conversa pelo telefone entre o secretário de Defesa norte-americano, Ash Carter, o ministro francês da Defesa, Jean-Yves Le Drian, confirmou o Pentágono em comunicado emitido neste domingo.

“Eles chegaram a acordos concretos para que os Exércitos da França e dos EUA intensifiquem sua cooperação no sentido de levar a cabo a continuada campanha contra o Estado Islâmico”, afirmou o secretário de imprensa do Pentágono Peter Cook em comunicado.

Carter reiterou que os Estados Unidos estão comprometidos em apoiar a França e andar juntos, ele disse, para assegurar que o Estado Islâmico “lidará com uma derrota permanente”.

Na noite da sexta-feira, diversos locais foram alvos em Paris em uma série de ataques orquestrados por atiradores e homens-bomba que mataram 129 pessoas, de acordo com a promotoria pública de Paris. O Estado Islâmico assumiu, no sábado, responsabilidade pelos ataques.

Por Krista Hughes e Phil Stewart

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below