17 de Janeiro de 2016 / às 13:35 / em 2 anos

Eleitor espanhol não quer outra eleição e prefere pacto de governo, diz pesquisa

MADRI (Reuters) - A maioria dos eleitores espanhóis se opõe à realização de outras eleições gerais para resolver o ponto morto político gerado com o resultado inconclusivo das eleições de dezembro e prefere que os partidos construam uma aliança de governo, diz pesquisa divulgada neste domingo.

O conservador Partido Popular (PP) foi o que conseguiu mais assentos nas eleições de 20 de dezembro, mas ficou abaixo de uma maioria parlamentar.

Os socialistas do PSOE ficaram na segunda posição, perdendo muitos votos que foram parar no partido anti-austeridade Podemos, que ficou em terceiro.

O Ciudadanos, outro partido que, como o Podemos, estreou no Parlamento, ficou em quarto.

O resultado implica na necessidade de que ao menos três partidos formem uma aliança que permita um governo estável, uma situação sem precedentes na Espanha, onde dois partidos dominantes, o PP e o PSOE, tiveram sólidas maiorias nos últimos 40 anos.

Segundo pesquisa da Metroscopia publicada no jornal El País, apenas 33 por cento dos eleitores são a favor de repetir as eleições, enquanto 61 por cento preferem que os partidos cheguem a um acordo.

Reportagem de Julien Toyer

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below