23 de Janeiro de 2016 / às 15:32 / 2 anos atrás

Ataques aéreos matam dezenas em províncias na Síria dominadas por Estado Islâmico

BEIRUTE (Reuters) - Ataques aéreos mataram dezenas de pessoas nas últimos 24 horas nas províncias de Raqqa e Deir al-Zor, no norte e leste da Síria, que são na sua maioria controladas por militantes do Estado Islâmico, disse um grupo de monitoramento neste sábado.

Os ataques aéreos realizados por aviões de guerra russos ou sírios mataram pelo menos 29 pessoas na cidade de Khasham, perto da cidade de Deir al-Zor, neste sábado, afirmou o Observatório Sírio para os Direitos Humanos, baseado na Grã-Bretanha.

O número de mortos em duas outras cidades perto de Deir al-Zor atingiu 44, em ataques também realizados por aviões de guerra russos ou sírios no dia anterior, disse.

Na cidade de Raqqa, a capital de fato do Estado Islâmico na Síria, pelo menos 32 pessoas foram mortas.

Jatos russos têm bombardeado a região em torno de Deir al-Zor conforme forças sírias pró-governo colidem com combatentes do Estado Islâmico, que controlam a maior parte da província.

Em Raqqa, aviões de guerra russos têm bombardeado posições do Estado Islâmico. Jatos de uma coalizão liderada pelos Estados Unidos atingiram separadamente o grupo em ambas as províncias de Raqqa e Deir al-Zor.

Os EUA dizem que a maioria dos ataques aéreos da Rússia em apoio ao presidente sírio, Bashar al-Assad, estão direcionados a outros grupos rebeldes no oeste do país, incluindo combatentes apoiados por estrangeiros.

Por John Davison

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below