February 5, 2016 / 1:46 PM / 3 years ago

Fiocruz detecta presença do Zika vírus com potencial de infecção em saliva e urina

RIO DE JANEIRO (Reuters) - A Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), vinculada ao Ministério da Saúde, anunciou nesta sexta-feira que detectou a presença do Zika vírus com potencial de provocar infecção em amostras de saliva e urina.

Ténico da Fiocruz inspeciona mosquito Aedes aegyti em Recife. 27/01/2016. REUTERS/Ueslei Marcelino

A evidência, baseada na análise de amostras de dois pacientes com sintomas compatíveis com o Zika, sugere a necessidade de investigar a relevância destas vias alternativas de transmissão viral, de acordo com a Fiocruz.

“O Zika vírus foi encontrado de forma ativa, ou seja, com capacidade de infecção, na urina e na saliva”, disse a jornalistas o presidente da Fiocruz, Paulo Gadelha.

Reportagem de Pedro Fonseca

0 : 0
  • narrow-browser-and-phone
  • medium-browser-and-portrait-tablet
  • landscape-tablet
  • medium-wide-browser
  • wide-browser-and-larger
  • medium-browser-and-landscape-tablet
  • medium-wide-browser-and-larger
  • above-phone
  • portrait-tablet-and-above
  • above-portrait-tablet
  • landscape-tablet-and-above
  • landscape-tablet-and-medium-wide-browser
  • portrait-tablet-and-below
  • landscape-tablet-and-below